Realizar um empréstimo com a garantia de seu imóvel nunca foi tão simples.

Nós temos a combinação perfeita: a menor taxa do mercado – a partir de 0,85% ao mês + IPCA – e prazo de pagamento de 60 a 240 meses. São vantagens que só um crédito descomplicado Advocart Bank oferece para você realizar o seu sonho e construir seu futuro.

Use seu Advocart Bank e um imóvel como garantia para conseguir o crédito que você precisa.

Esse é um tipo de empréstimo em que você apresenta um imóvel residencial ou comercial como garantia, reduzindo vantajosamente a taxa de juros e aumentando o prazo para pagamento.

Abra sua conta grátis e faça simulação em nosso aplicativo.

Empréstimo de R$ 30 mil a R$ 3 milhões, com segurança e clareza

Tenha confiança no processo 100% online da Advocart Bank que garante toda a segurança e clareza ao longo da contratação.
Com um bem valendo a partir de R$ 150 mil, liberamos para você até 50% do valor da avaliação do imóvel.

Pra que pagar mais se dá pra pagar menos?

Na hora de contratar o empréstimo com imóvel em garantia, busque comparar as taxas de juros, para escolher a linha de crédito que apresente a menor taxa.

No gráfico ao lado, veja um exemplo para um empréstimo no valor de R$ 50 mil reais. Em 6 meses, veja o valor que você pagaria em cada modalidade.

Consiga aquele crédito que você precisa com um imóvel como garantia em um processo seguro e 100% online

Aqui o jogo é rápido. Saiba como funciona nosso processo.

Calcule o valor do seu crédito e escolha as melhores condições para que ele caiba direitinho no seu planejamento financeiro. Na sua simulação de crédito, você pode escolher a contratação como Pessoa Física (PF) ou Pessoa Jurídica (PJ).

Além das informações sobre o empréstimo, precisamos saber um pouco mais sobre você. Informe seus dados pessoais e também o seu contato – assim, logo depois de finalizar a simulação, um dos nossos consultores vai entrar em contato com você.

Para usar o seu imóvel em garantia, ele precisa estar dentro da nossa área de atuação e valer, pelo menos, R$ 150 mil. Conseguimos verificar esses dois pontos quando você informa o CEP e o valor do seu imóvel na simulação.

Como padrão de contratação de empréstimo, você precisa enviar os seus documentos pessoais como carteira da OAB, RG, CPF, comprovante de residência e de renda, etc. Além disso, a documentação da garantia, como a matrícula do imóvel, por exemplo, também deve ser enviada. E o melhor: você não precisa sair de casa para enviar os documentos! Você envia da maneira que achar melhor, seja por e-mail ou WhatsApp.

Enviamos um especialista para avaliar o seu imóvel. Logo em seguida, é feita a avaliação jurídica, quando verificamos se existe alguma pendência e, enquanto isso, retiramos todas as certidões necessárias e emitimos o seu contrato. Conte com a nossa equipe para tirar todas as suas dúvidas ao longo desse processo.

Liberamos o valor do crédito direto em sua conta digital Advocart Bank. Pronto, agora você pode usar o dinheiro para organizar sua vida ou investir nos seus projetos.

O empréstimo com garantia de imóvel é ideal para Advogados, Bacharéis, Estudantes de Direito e Escritórios de Advocacia.

Trocar as dívidas pesadas por uma mais barata.
Começar a empreender
Reformar ou construir.
Ser o próprio chefe, abrindo uma franquia.

Dúvidas? Advocart Bank responde.

Empréstimo com garantia de imóvel é seguro na Advocart Bank?

Sim, 100% seguro. A Advocart Bank é parceria da Bcredi, uma fintech especialista em Crédito com Garantia de Imóvel (CGI). A Bcredi trabalha com o CGI há quase 15 anos e, no início de 2021, foi adquirida pela Creditas. Ao unir todo esse conhecimento com um processo online, ágil e transparente, oferecemos crédito saudável para clientes em todo o Brasil. Oferecemos uma experiência prática e descomplicada na hora de contratar o seu crédito e investimos em tecnologia para criar um ambiente seguro e confiável.

O que é crédito com garantia de imóvel?

O Crédito com Garantia de Imóvel, também conhecido como refinanciamento de imóvel ou home equity, é um tipo específico de empréstimo pessoal, que utiliza um imóvel como garantia da operação. O processo pode ser feito com imóveis já quitados ou também para imóveis que ainda estão sendo pagos. Dessa forma, o risco da operação diminui e as vantagens aumentam, como a menor taxa de juros do mercado, prazos estendidos de pagamento. É essa combinação entre taxas mais baixas de juros e prazos estendidos de pagamento que faz com que você comprometa menos da sua renda mensal: dá para reduzir em até 85% do valor das parcelas do seu empréstimo.

Existe um valor mínimo e máximo para o crédito?

Sim. Aqui na Advocart Bank os empréstimos têm valor mínimo de R$ 30 mil e máximo de R$ 3 milhões. Esse valor é calculado de acordo com a sua necessidade e a avaliação do imóvel, pois o crédito contratado poderá ser de no máximo 60% do valor da garantia, em casos de apartamentos, por exemplo.

O crédito é destinado a pessoas físicas e jurídicas?

Sim, tanto pessoa física como jurídica podem contratar o crédito na Advocart Bank, porém, o contrato de empréstimo só será feito em nome de pessoa jurídica se o imóvel apresentado como garantia estiver em nome da pessoa jurídica. É importante ressaltar que todos os sócios e cônjuges precisarão participar da operação.

Qual é a idade mínima para contratar um crédito? Existe idade máxima?

Para contratar um empréstimo, você precisa ter pelo menos 18 anos. Já no caso de idade máxima, o prazo de pagamento é contado regressivamente até os 80 anos. Por exemplo, um cliente de 70 anos poderá contratar o crédito com prazo máximo de 10 anos. Ou seja, a fórmula é: idade do cliente + prazo de pagamento = até 80 anos. Nesse cálculo, também é importante considerar que nosso prazo mínimo de pagamento é de 60 meses (5 anos).

Preciso sair do imóvel que vou usar como garantia?

Não. O imóvel continua sendo seu e, uma vez que o contrato se dá com a alienação fiduciária, o cliente não precisa desocupar o imóvel durante a vigência do contrato. Dessa forma, você também pode alugar o imóvel e até vendê-lo, porém, nesse caso será preciso entrar em contato com a instituição que fez a alienação do imóvel para saber como proceder.

O que é alienação fiduciária?

Esse é o termo usado no contrato do crédito com garantia de imóvel. Ele indica que aquela garantia pode ser usada pelo seu proprietário, mantendo a posse, mas a posse indireta fica com a instituição que ofereceu o crédito até que todo o empréstimo seja quitado.

Qual o prazo para a liberação do crédito?

Esse prazo irá depender da documentação necessária estar em dia. Serão solicitados alguns documentos pessoais, do imóvel e também algumas declarações jurídicas que precisarão passar por cartório. Dependendo da cidade onde você mora e/ou está o imóvel, pode levar alguns dias para conseguir esses documentos. E como a Bcredi trabalha com o CGI há muitos anos, conseguimos, em muitos casos (não todos), liberar até 75% do valor do crédito em protocolo, ou seja, no momento da entrada do documento em cartório. Os outros 25% aguardam a alienação.

Como vou receber o dinheiro? Preciso ter conta na Advocart Bank?

Sim, para você receber o dinheiro, você precisa ter uma conta na Advocart Bank. Depois de passar por todo o processo de contratação, o crédito liberado será depositado diretamente na conta corrente informada em sua ficha cadastral.

Qual a forma de pagamento das parcelas?

Depois de contratar o empréstimo, será enviado por e-mail ou pelos correios, todos os meses um boleto bancário para que você faça o pagamento.

Pagando antecipadamente meu empréstimo terei desconto?

Sim, é possível fazer a amortização dos juros das parcelas que você antecipar. Caso queira pagar a primeira e a última parcelas do empréstimo, será realizada a amortização dos juros da última parcela antecipada. Caso queira solicitar a antecipação do pagamento, entre em contato com um de nossos canais de atendimento: 4003-7301 (Capitais e Regiões Metropolitanas) ou 0800-729-2439 (Demais Localidades) ou no e-mail: relacionamento@advocartbank.com.br.

A Advocart Bank aceita imóveis em todo o Brasil?

Atualmente, a Advocart Bank atende na maioria dos Estados Brasileiros, em diversas cidades. Para consultar a lista as cidades atendidas entre em contato com um de nossos canais de atendimento: 4003-7301 (Capitais e Regiões Metropolitanas) ou 0800-729-2439 (Demais Localidades) ou no e-mail: relacionamento@advocartbank.com.br.

Meu imóvel precisa estar quitado?

Sim, mas se o seu imóvel estiver parcialmente quitado você também consegue contratar nosso empréstimo. Nós podemos quitar o saldo devedor do seu imóvel com a outra instituição financeira, fazendo a portabilidade de todo o valor do imóvel. É importante que o saldo devedor do financiamento seja menor do que 50% do valor da avaliação do seu imóvel.

Como saber se meu imóvel é averbado?

Para verificar se seu imóvel é averbado, primeiramente você precisa ter a Certidão de Matrícula do imóvel, também chamada de Certidão de Inteiro Teor. Nesse documento estão todos as informações históricas do imóvel, como as averbações, atos de compra e venda já realizados, metragem, entre outros dados. Nessa certidão você encontrará a informação de que sua construção foi averbada, ou seja, consta como existente, de forma regular e atualizada. Caso você não encontre nenhuma informação sobre a construção, significa que ela não foi averbada.

Mesmo com um imóvel não averbado é possível fazer o empréstimo com garantia, porém, apenas o valor do terreno será considerado no momento da avaliação. Caso você tenha o documento Habite-se da prefeitura da sua cidade e a Certidão de Débitos Tributários Municipal, será possível fazer a averbação da construção juntamente com nosso contrato de empréstimo, no registro de imóveis.

Quais as formas de pagamento da avaliação do imóvel?

A avaliação do imóvel pode ser paga por boleto bancário à vista ou cartão de crédito em até 3 vezes sem juros. O valor da avaliação é informado durante o processo, conforme o tipo de imóvel. O financiamento do valor da avaliação é possível mediante análise específica da operação.

Mesmo com um imóvel não averbado é possível fazer o empréstimo com garantia, porém, apenas o valor do terreno será considerado no momento da avaliação. Caso você tenha o documento Habite-se da prefeitura da sua cidade e a Certidão de Débitos Tributários Municipal, será possível fazer a averbação da construção juntamente com nosso contrato de empréstimo, no registro de imóveis.

Quais os tipos de imóveis que podem ser aceitos como garantia de crédito?

  • Imóveis residenciais averbados (casas, sobrados ou apartamentos);
  • Imóveis comerciais averbados (salas, escritórios, consultórios, lojas e afins);
  • Casas mistas, terreno em condomínio, casas não averbadas ou parcialmente averbadas.

O que não pode ser usado como garantia: imóveis rurais, igrejas, escolas, hospitais, imóveis em áreas irregulares, galpões e imóveis industriais.

Quais os documentos necessários para a análise de crédito de Pessoa Física?

Abaixo listamos os principais documentos que serão necessários para a etapa de aprovação de crédito no empréstimo com garantia de imóvel em nome de Pessoa Física.

Documentos pessoais:

  • Cópia do RG e CPF legíveis (inclusive do cônjuge, se houver);
  • Cópia da carteira da OAB 
  • Cópia do Comprovante de Residência atualizado (emitido no máximo há 30 dias);
  • Cópia da Comprovação de Estado Civil (certidão de nascimento ou casamento);
  • Pacto Antenupcial (se houver).

Comprovação de renda:

  • Extratos bancários dos 6 últimos meses com a logo do banco ou Contracheque dos 3 últimos meses, com extratos do FGTS, se houver;
  • Declaração de Imposto de Renda, do ano vigente da solicitação, completa com recibo de entrega. Caso não declare Imposto de Renda, será necessário encaminhar declaração de isenção de imposto de renda.

Quais os documentos necessários para análise de crédito de Pessoa Jurídica?

Abaixo listamos os principais documentos que serão necessários para a análise de crédito no empréstimo com garantia de imóvel em nome de Pessoa Jurídica.

Documentos pessoais, tanto do dono quanto dos sócios da empresa:

  • Cópia do RG e CPF legíveis (inclusive do cônjuge, se houver);
  • Cópia da carteira da OAB 
  • Cópia do Comprovante de Residência atualizado (emitido no máximo há 30 dias);
  • Cópia da Comprovação de Estado Civil (certidão de nascimento ou casamento);
  • Pacto Antenupcial (se houver).

Documentos da empresa:

  • Declaração de Imposto de Renda, do ano vigente da solicitação, completa com recibo de entrega;
  • Última declaração do Simples Nacional ou DIPJ (Declaração de Rendimentos da Pessoa Jurídica) com comprovante de entrega;
  • Contrato social da empresa ou consolidado;
  • Extratos bancários dos 6 últimos meses com a logo do banco.
  • DRE (Demonstrativo de Resultado do Exercício) dos últimos 2 anos;
  • Balanço patrimonial dos últimos 2 anos.

Documentos do imóvel:

  • Cópia da página do Imposto Predial do Exercício, onde constam o endereço e áreas do imóvel (capa do IPTU);
  • Matrícula do imóvel.

Quais são os documentos necessários para a análise jurídica?

Em todas as operações que chegam à nossa equipe jurídica, será solicitada: Imagem de um comprovante bancário onde conste: nome do banco, agência, conta e nome do titular. Serão aceitas imagens do cartão, extrato bancário, cheque ou Imposto de Renda.

Poderão ser solicitados os seguintes documentos adicionais:

  • Declaração de inexistência de débitos condominiais assinada pelo síndico ou administradora, constando: nome completo do síndico/administradora, telefone, endereço completo e e-mail. (Caso o imóvel não se encontre em condomínio, será preciso enviar uma declaração de inexistência de condomínio, mas não se preocupe, a gente te ajuda).
  • Em casos de Portabilidade ou Interveniente Quitante, você deverá apresentar o extrato atualizado da dívida.

Além desses documentos, há mais de 15 certidões referentes aos proponentes e/ou aos imóveis, que podem ser necessárias para a operação e serão solicitadas durante o processo. Nós sempre vamos te manter atualizado.

Quais os documentos necessários no empréstimo para reforma e construção?

Caso seu crédito seja especificamente para construir ou reformar, precisaremos de alguns documentos adicionais:

  • Documentos do imóvel
  • Apresentação de Alvará (válido)
  • Projeto Arquitetônico
  • Habite-se

Existe limite para comprometimento de renda?

A Advocart Bank oferece um crédito saudável, com parcelas que cabem no seu orçamento. Dessa forma, para contratar um empréstimo de forma prudente e segura e seguindo a normativa do Banco Central, o ideal é que no máximo 30% da sua renda seja comprometida com as parcelas do seu crédito.

Outra grande vantagem de fazer seu empréstimo na Advocart Bank é a possibilidade de compor renda com mais 3 pessoas, sejam PJs ou PFs. Isso amplia sua possibilidade de ter o crédito aprovado, incluindo mais proponentes na operação.

É possível a inserção de mais proponentes para composição de renda?

Sim, é possível compor renda com mais de uma pessoa. Serão aceitos até quatro proponentes por contrato, que podem ou não ter grau de parentesco, desde que elas tenham vínculo para pagamento.

Posso usar meu FGTS no crédito com garantia de imóvel?

Não. No Crédito com Garantia de Imóvel não é possível usar o saldo do FGTS no pagamento das parcelas. Isso porque o nosso modelo de contrato é o SFI (Sistema Financeiro Imobiliário), que não permite usar esse fundo para amortizar o empréstimo. É possível utilizar esse saldo do FGTS apenas para fazer o pagamento da entrada do Financiamento Imobiliário.

Como fazer portabilidade de empréstimo com garantia de imóvel?

Para fazer a portabilidade você deverá nos encaminhar o extrato do saldo devedor do seu empréstimo atual junto ao banco ou instituição financeira. O valor do saldo devedor não pode ser maior do que 50% do valor de avaliação do imóvel que será utilizado como garantia.

Preciso comprovar o uso do empréstimo?

Uma das principais vantagens do nosso crédito é que ele é livre e você pode usar como quiser. Apenas para reforma, construção e aquisição de imóvel você precisa mostrar alguns documentos a mais, mas sem muita complicação.

Existem seguros obrigatórios?

Sim. Existem dois seguros que são obrigatórios para a contratação do empréstimo. Um deles é o seguro que cobre Danos Físicos ao Imóvel (DFI), como em casos de incêndio, raios e/ou explosão, desmoronamento total, inundação ou alagamento, entre outros. O segundo seguro obrigatório é o prestamista, que garante que o pagamento do empréstimo será feito, mesmo em caso de morte, invalidez permanente total por acidente ou invalidez laborativa permanente total por doença.

A contratação dos dois seguros são exigências do Banco Central em operações de financiamentos e/ou empréstimo que utilizem imóveis.

Abrir chat
Precisa de ajuda?